Questões na prática

Clínica Médica

Ginecologia e Obstetrícia

Nefrologia

Obstetrícia

Hepatologia

Mulher com 31 semanas de gestação (G3P2) desenvolveu quadro agudo de cefaleia, náuseas e vômitos. Por ocasião da consulta, queixou-se de mal-estar e informou que a urina apresentava-se escura. Ao exame, a pressão arterial era de 140X80 mmHg, as mucosas estavam ictéricas e havia contrações uterinas. Os batimentos cardiofetais eram de 144 bpm. Qual o diagnóstico mais provável?

A
Síndrome HELLP
B
Fígado gorduroso agudo da gestação
C
Hepatite viral
D
Síndrome hemolítico-urêmica
E
Hiperêmese gravídica
Um recém-nascido de parto normal, com 3.720 g de peso de nascimento, Apgar de 9, 10 e 10, no primeiro, quinto e décimo minutos, apresenta no exame físico inicial hemorragia subconjuntival e os pais estão preocupados. O médico solicita um exame de fundo de olho que revela pequena hemorragia de retina unilateral. Orientação para os pais:
Qual das afirmativas abaixo a respeito das citoquinas relacionadas a resposta inflamatória a agressão cirúrgica esta INCORRETA:
Qual das alternativas abaixo NÃO contém uma das possíveis complicações perioperatórias por indução de isquemia associada à revascularização decorrentes do pinçamento e da posterior retirada das pinças da aorta, no tratamento cirúrgico de aneurismas de aorta?
Adolescente de 12 anos, previamente hígida, é levada ao pronto-socorro com história, há três dias, de febre, tosse e dor no hemitórax direito. Exame físico: febril, taquicárdica, taquipneica, frêmito toracovocal e murmúrio vesicular diminuídos no 1/3 inferior do hemitórax direito. O agente etiológico mais provável é:
Compartilhar