Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Hepatologia

Mulher de 30 anos de idade queixa-se de mal-estar, náuseas, febre, desconforto no hipocôndrio direito e icterícia. Realizou uma tatuagem no antebraço há 2 meses. Ao exame físico: icterícia de escleróticas, hepatomegalia dolorosa e espaço de Traube livre. Exames laboratoriais: bilirrubinas totais de 5,2 às custas de direta, ALT - 630 U/L, AST - 550 U/I e HBsAg positivo. Qual das afirmações é CORRETA em relação ao caso?

A
O diagnóstico é confirmado pelo anti-HBc IgM.
B
Não há risco de progressão para hepatite crônica.
C
Não há forma aguda grave neste caso.
D
A presença do HBeAg após o terceiro mês sugere evolução satisfatória.
E
As formas colestáticas evoluem com mau prognóstico.
Um paciente com encefalopatia metabólica frequentemente apresenta as seguintes manifestações clínicas, EXCETO:
Criança do sexo masculino com 3 meses de vida apresenta vômitos não biliosos “em jato” repetidos, distensão do abdome superior (epigástrio), aumento da peristase gástrica (ondas peristálticas forte da esquerda para direita após alimentação). A criança está desidratada, emagrecida, mas com apetite voraz. A palpação abdominal mostra um “tumor” (oliva) em hipocôndrio direito. A radiografia simples de abdome mostra dilatação gástrica importante, ausência de ar em intestino (inclusive duodeno). O diagnóstico provável é:
Em relação às reações alérgicas cutâneas (a urticária e o edema de Quincke), há envolvimento de mecanismos imunológicos e não imunológicos; sobre isso, assinale a alternativa incorreta:
Algumas hérnias têm nomes específicos em função do conteúdo do saco herniário ou da localização do defeito causador. Assinale a alternativa que apresenta uma que não haja correspondência:
Compartilhar