Questões na prática

Clínica Médica

Reumatologia

Mulher de 35 anos consultou por quadro de artralgias de intensidade crescente nas mãos, nos cotovelos e nos tornozelos, há 5 meses, embora viesse fazendo uso de anti-inflamatório não hormonal (AINH). Referiu limitação funcional por dor, ao despertar, durante mais de 1 hora. Ao exame, encontrava-se em bom estado geral, corada, afebril, sem lesões de pele, com sinovite nas articulações interfalangianas proximais e metacarpofalangianas, bilateralmente, nos cotovelos e nos tornozelos. O restante do exame físico foi normal. De acordo com a principal hipótese diagnóstica, qual a conduta mais adequada?

A
Associar prednisona em baixas doses até haver alterações radiológicas características.
B
Iniciar a administração de uma droga modificadora da doença, de preferência metotrexato.
C
Iniciar a administração de azatioprina.
D
Manter o AINH e indicar infiltrações nas articulações mais dolorosas.
E
Manter o AINH e encaminhar a paciente para a fisioterapia.
Recém-nascido com oito horas de vida apresenta cianose universal intensa. Exame físico: Pulsos universalmente palpáveis; precórdio calmo; ausculta cardíaca com ritmo cardíaco regular em dois tempos, bulhas normofonéticas com B2 única, sem sopros. Radiografia de tórax: Hipofluxo pulmonar e coração de tamanho normal. Gasometria: Hipóxia grave com acidose metabólica. A conduta imediata, além de instituir oxigenoterapia e corrigir a acidose com bicarbonato, é prescrever:
A falha na descida do testículo ao escroto é denominada como ectopia ou distopia testicular, ou ainda, como criptorquidia. Sabe-se que a fertilidade destes pacientes, bem como o risco de tumores de testículo na vida adulta, está diretamente relacionada com o tratamento destes pacientes ainda nos primeiros anos de vida, sendo que idealmente o diagnóstico deve ser realizado antes dos seis meses de vida. Dentre as alternativas abaixo, qual apresenta a melhor opção em relação à idade ideal para o tratamento cirúrgico?
Assinale a alternativa que indica a cardiopatia congênita que mais frequentemente se manifesta com insuficiência cardíaca:
D. Rosa, 62 anos, hipertensa, desde os 45 anos, com uso regular de anti-hipertensivos, apresentou subitamente um quadro de amaurose fugaz resultando em perda da visão monocular transitória. A causa mais frequente deste quadro é:
Compartilhar