Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Reumatologia

Mulher de 38 anos, portadora de artrite reumatoide, vinha em uso crônico de prednisona, que foi suspensa há 3 semanas, quando começou a se queixar de cansaço. Há 2 dias, apresentou piora acentuada do estado geral, procurando o pronto-socorro. Considerando o manejo da sua corticoterapia, NÃO é esperado o seguinte achado no hemograma:

A
anemia.
B
neutrofilia.
C
eosinofilia.
D
linfocitose.
LAPA, 62anos, com hérnia inguinal direita encarcerada, foi submetido à inguinotomia com constatação de divertículo de Meckel estrangulado com necrose de alça segmentar. Assinale a alternativa correta:
RN pré-termo limítrofe, Apgar 9 no primeiro minuto de vida, desenvolve taquipneia nas primeiras 6 horas de vida. Ao exame, observa-se taquipneia, FR = 98 ipm, saturação de O2 98%, Rx de tórax com imagem de infiltração linear a partir dos hilos, com cisurite, silhueta cardíaca normal. O diagnóstico mais provável é:
Paciente de 45 anos de idade, hipertenso, diabético, é admitido no pronto socorro em PCR (parada cardio-respiratória). Familiares relatam que o mesmo apresentou perda da consciência durante o transporte ao hospital; antes do evento, queixava-se de intensa dor precordial em opressão. Foi constatado PCR em FV (fibrilação ventricular) e iniciada RCP (reanimação cardio-pulmonar) na unidade de emergência. Após ter sido aplicado o choque inicial sem sucesso e considerada a possibilidade de administração de um fármaco para essa condição, o que se recomenda?
O sinal da dupla bolha é característico de:
Compartilhar