Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Geral

Cirurgia do Aparelho Digestivo

Mulher de 54 anos, fumante, diabética, hipertensa, em uso de valsartana/hidroclorotiazida 160/12,5 mg, fazendo dieta hipossódica com restrição de açúcar e portadora de colelitíase, necessita de colecistectomia laparoscópica. BEG, PA: 125/80, FC: 80 bat./min, rítmico. Glicemia 95 mg e sem alterações de Na e K. RX tórax: nl. Sua classificação de risco anestésico (A.S.A.) é:

A
ASA 1.
B
ASA 2.
C
ASA 3.
D
ASA 4.
E
ASA 5.
Um paciente do sexo masculino, com 28 anos, está em tratamento com poliquiomioterapia para hanseníase (dapsona, rifampicina e clofazimina). Apresentou, no quarto mês de tratamento, diminuição do volume urinário, rash cutâneo, dor lombar e elevação de ureia e creatinina. O diagnóstico mais provável, nesse caso, é:
O tuberculostático que pode ocasionar como efeito adverso neuropatia periférica é:
Agente mais comum causador de pneumonia em crianças de sete anos de idade:
Paciente de 34 anos, masculino, apresenta tumor em andar superior do mediastino anterior. Este tumor pode ser qual das opções abaixo ?
Compartilhar