Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Na assistência pré-natal a ultrasonografia abstétrica é importante na avaliação do desenvolvimento fetal. A US morfológica deve ser realizada entre:

A
10 a 14 semanas
B
22 a 24 semanas
C
24 a 28 semanas
D
32 a 36 semanas
E
Em qualquer período da gestação
Menina com 1 ano de idade é levada ao pediatra com história de febre há 2 dias, escurecimento da urina e irritabilidade. Ao exame não são observados sinais de infecção de vias aéreas, e a criança apresenta-se febril. A urocultura, colhida em condições ideais, revela-se positiva para Escherichia coli. Além da terapêutica antimicrobiana e das uroculturas para controle, recomenda-se:
J.K.L., sexo feminino, 10 anos e 6 meses; estágio de Tanner M2P2, peso: 44 kg, estatura: 143 cm, IMC: 22 kg/m² (percentil entre 85-95). Assinale os diagnósticos CORRETOS:
Menino com 2 meses de idade é levado a uma Unidade Básica de Saúde, pois a mãe está muito preocupada com o aumento de suas mamas. Ao examiná-lo, o médico detecta tecido mamário hipertrofiado, com mamas com diâmetro de cerca de 2,5 cm. O médico deve orientar:
Mulher, 78 anos de idade, é trazida ao pronto atendimento pelo filho, referindo que ela apresentava esquecimento progressivo nos últimos 3 anos, além de não saber o dia da semana ou mês. Há 3 dias, iniciou quadro de diminuição da concentração, agressividade, pensamentos incoerentes com oscilação destes sintomas ao longo do dia. Ao exame clínico, apresentava-se corada, hidratada, afebril, eupneica, desorientada, com agitação psicomotora. Sem outras alterações no exame. A melhor opção terapêutica para o quadro agudo desta paciente é:
Compartilhar