Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Na avaliação do trabalho de parto, empregando o partograma de Phillpot, a segunda linha de referência é:

A
linha de defesa
B
linha de ação
C
linha de alerta
D
linha de atenção
E
linha de cesariana
Menina de 18 meses de idade apresenta dor intensa no membro superior direito após ter sido bruscamente erguida pelo antebraço. Exame físico: dor à palpação, ausência de movimentos de flexão e manutenção do cotovelo em pronação. A hipótese diagnóstica mais provável para o caso é:
O RN de Antônia apresentou apneia ao nascer. Em relação ao procedimento em sala de parto, assinale a opção CORRETA.
Menino, 5 anos de idade, com constipação intestinal há 2 anos. HMA: antes do início do quadro, evacuava diariamente. Começou a apresentar fezes endurecidas, com piora progressiva da constipação. Agora, fica até 20 dias sem evacuar e necessita de lavagens intestinais. A criança não tem vontade de evacuar e quando tem vontade não consegue eliminar as fezes, mas elimina flatos ocasionais. EF: apresenta-se corado, bem nutrido e hidratado. Abdome globoso, onde palpa-se um grande fecaloma tomando todo o hemiabdome esquerdo, avançando a linha média para a direita. Ao toque: presença de fezes muito endurecidas, sem outras alterações. A conduta é:
Homem, 30 anos, hipertenso controlado, com antecedente de litíase urinária e assintomático. Realizou tomografia em outro serviço, que evidenciou litíase renal esquerda com 1,4 cm, sem hidronefrose, densidade de 650UH e distância cálculo-pele de 14 cm. Exame de urina com hematúria discreta (11000 He), sem leucocitúria e urocultura negativa. Qual a melhor conduta?
Compartilhar