Questões na prática

Pediatria

Neonatologia

Na avaliação rotineira de uma menina de um ano de idade é percebida uma palidez cutaneomucosa importante (+++/4+). Ela está no percentil 75 de peso e no percentil 25 de comprimento para idade. O exame físico não apresenta outras alterações. Um hemograma evidencia um hematócrito de 32%. A questão mais útil na definição do diagnóstico é:

A
“Qual a dieta diária usual da criança?”
B
“A criança teve icterícia neonatal, com uso de fototerapia?”
C
“Alguém na família já recebeu transfusão sanguínea?”
D
“A criança está tomando algum medicamento?”
E
“Qual é o padrão e a aparência de suas fezes?”
Olho vermelho é uma apresentação clínica muito comum em emergências, sendo o diagnóstico correto fundamental para se evitar um tratamento que pode piorar a condição clínica do paciente. Associe as patologias causadoras de olho vermelho (coluna da esquerda) aos tratamentos tópicos (coluna da direita) que não podem ser administrados, por agravarem o quadro clínico. 1 - Conjutivite viral / 2 - Ceratoconjutivite sicca / 3 - Glaucoma agudo / 4 - Ceratite herpética / 5 - Uveíte anterior / ( ) Corticosteroide tópico / ( ) Dilatadores de pupila / ( ) Pilocarpina / A sequência numérica correta, de cima pra baixo, da coluna da direita, é
Sobre parafimose no lactente, assinale a assertiva incorreta.
Em relação aos divertículos do esôfago podemos afirmar que: I- O divertículo de Zenker pode ser tratado por cirurgia ou via endoscópica; II- Os divertículos de esôfago médio são os mais comuns e estão associados à acalasia esofágica; III- Os divertículos epifrênicos são de pulsão ou falsos e frequentemente associados à disfunção motora do esôfago
Qual dos seguintes achados na história e exame físico da criança portadora de constipação intestinal NÃO é sugestivo de doença de Hirschsprung?
Compartilhar