Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Na dequitação deve-se considerar que: I. a retirada manual da placenta abrevia o tempo da cesariana ou do parto, reduzindo o risco de infecção. II. a inserção fúndica da placenta, a atonia uterina e o acretismo placentário são fatores predisponentes à inversão uterina. III. na placenta percreta, como o tecido placentário não ultrapassa o miométrio, o tratamento é realizado por via abdominal. IV. na inversão uterina aguda, a primeira tentativa de correção a ser adotada é por via vaginal. Estão corretas somente as afirmações:

A
I, II e III.
B
I e III.
C
I e IV.
D
II e IV.
E
todas acima são verdadeiras.
Os raios ultravioleta agridem:
Na colecistite aguda o principal sinal ecográfico é:
A Ressonância Nuclear Magnética está contraindicada para pacientes que possuem:
Durante um exame físico de rotina, você encontra ao toque retal um lesão mucosa a cerca de 5 cm da margem anal. Após proceder a sua retirada e tendo recebido o anátomo- patológico que a descreve com um “pólipo adenomatoso” você:
Compartilhar