Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Hematologia

Reumatologia

Não se relaciona à artrite idiopática juvenil:

A
idade de ocorrência abaixo de 16 anos.
B
definição do padrão da forma clínica nos seis primeiros meses do início da doença.
C
ser diagnóstico de exclusão das artrites.
D
leucocitose.
E
diminuição da ferritina sérica.
Um lactente com seis meses de idade é conduzido à Unidade Básica de Saúde da sua comunidade por apresentar febre há seis dias, com temperatura corporal variando no período de 24 horas entre 38,6°C e 39,5°C, acompanhada de tremores de frio. A cuidadora refere estar usando dipirona e paracetamol de forma alternada durante os picos febris. Após anamnese e exame físico minucioso, não se encontrou nenhuma anormalidade. Considerando o quadro clínico apresentado, julgue as afirmativas como verdadeiras (V) ou falsas (F). ( ) O quadro pode ser caracterizado como febre de origem indeterminada, na qual estudos na faixa etária pediátrica demonstram as causas infecciosas como principal etiologia. ( ) Hemograma, Velocidade de Hemossedimentação (VHS), proteína C reativa, sumário de urina e urocultura são exames complementares indicados na investigação do quadro febril. ( ) No que se refere à evolução, a febre descrita acima é considerada contínua por expressar variação entre a temperatura máxima e mínima nas 24h inferior a 1°C. ( ) O uso associado de dois antipiréticos está indicado neste caso, sendo justificado por tratar-se de febre sem foco aparente com temperaturas que atingem 39,5°C associada a tremores de frio, compreendidos como sinais de alerta em lactentes com febre. ( ) A hemocultura deve ser considerada para investigação de bacteremia oculta. A sequência correta é:
Assinale a alternativa que mais diferencia, nas fases iniciais, a leucemia mieloide crônica das outras síndromes mieloproliferativas.
Lactente de 12 meses de idade vai à consulta de puericultura. Os marcos do desenvolvimento esperados nessa idade são:
A bronquiolite viral aguda (BVA) é a mais comum infecção do trato respiratório inferior em crianças pequenas, sendo o vírus sincicial respiratório (VSR) o seu principal agente etiológico. Assinale a alternativa que NÃO caracteriza paciente de risco para a infecção pelo VSR.
Compartilhar