Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

No atendimento de um paciente que apresenta parada cardiorrespiratória testemunhada no serviço de emergência, com ECG mostrando fibrilação ventricular, qual a conduta mais apropriada?

A
Realizar inicialmente a entubação orotraqueal para depois proceder à desfibrilação.
B
Proceder à desfibrilação imediatamente, se disponível.
C
Realizar uma ampola de amiodarona EV, e depois proceder à desfibrilação.
D
Iniciar ventilação e compressões torácicas e proceder à desfibrilação apenas após três minutos de adequada ventilação e compressões torácicas.
E
Realizar a entubação orotraqueal e administrar uma ampola de amiodarona EV, para depois proceder à desfibrilação.
Homem, 20 anos, vítima de atropelamento, com fratura grave de pelve e choque grau IV, foi submetido à laparotomia exploradora (negativa) e fixação externa da bacia. Foi admitido na UTI 3 horas após o acidente, intubado, sedado e sob ventilação mecânica, apresentando PA 100 X 60, pulso 120 bpm, diurese 50 ml e abdome tenso, tendo recebido transfusão de 4 concentrados de hemácias e infusão de 3.000 ml de SF 0,9%. Tendo em vista uma provável síndrome compartimental abdominal, assinale a conduta MAIS adequada:
Paciente de 28 anos, nulípara, apresenta diagnóstico histopatológico de NIC lll, obtido através de biópsia colpodirigida. A melhor conduta a ser tomada é:
Qual dos sinais ou sintomas NÃO se relaciona à pré-eclâmpsia grave:
Qual das seguintes vacinas é constituída de vírus vivo atenuado?
Compartilhar