Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Infectologia

No Brasil, os trabalhos têm mostrado que o principal agente responsável pelos casos de Endocardite Infecciosa é:

A
Enterococos.
B
Cândida albicans.
C
Staphylococcus aureus.
D
Proteus.
E
Streptococcus viridans.
No 7º pós-operatório de gastrectomia subtotal com reconstrução em y de Roux, por neoplasia, um paciente de 54 anos apresentou dor abdominal difusa e taquicardia. Está em regular estado geral, tem frequência cardíaca de 130 batimentos por minuto e pressão arterial de 95 x 56 mmHg. O abdome é doloroso difusamente e o paciente tem dor à descompressão brusca. A ferida operatória tem hiperemia e saída de secreção biliosa. Conduta:
Um lactente de 1 ano e 6 meses chega ao pronto-socorro com quadro de arritmia cardíaca. O médico da emergência decide aplicar uma bolsa de gelo sobre a face do bebê tentando induzir uma manobra vagal. A arritmia que este paciente provavelmente apresenta:
Paciente, 55 anos, refere sangramento anal, principalmente misturado às fezes há três meses. Apresenta também episódios de diarreia e cólica abdominal difusa. Nega história familiar de câncer intestinal. Ao exame físico, o abdome está normal. Anuscopia apresenta hemorroidas internas grau II e externas. O toque retal está normal. Considerando o quadro descrito, a conduta mais adequada é:
Com relação às patologias do colo-reto e ânus, pode-se dizer que:
Compartilhar