Questões na prática

Pediatria

Neonatologia

No que diz respeito à sistematização da reanimação neonatal, julgue os seguintes itens de acordo com as normas do Programa de Reanimação Neonatal da Sociedade Brasileira de Pediatria. I- Toda criança que nascer sem respirar deve ser considerada em apneia primária e receber oxigênio inalatório como medida terapêutica. II- As medidas iniciais são: prover calor e posicionar o recém-nascido em decúbito dorsal sob leve declive e estender levemente o pescoço. Depois, aspirar vias aéreas, se necessário. III- Todo recém-nascido que nascer em apneia e envolto em líquido meconial deve ser imediatamente aspirado por meio de tubo orotraqueal. IV- Considerando que uma criança, ao nascer, respire regularmente, apresente frequência cardíaca de 140 bpm e tenha cianose de extremidades nos primeiros 20 segundos de vida, o médico deverá administrar oxigênio a 100% por via inalatória até desaparecer a cianose. V- A ventilação com balão autoinflável, máscara e oxigênio a 100%, se usada adequadamente, consegue resolver menos da metade dos casos em que é necessário reanimar um neonato na sala de parto. A quantidade de itens certos é igual a:

A
1.
B
2.
C
3.
D
4.
E
5.
Paciente com 45 anos de idade, em terapia de reposição hormonal e com mamografia Bi-RADS zero. Deve-se:
A melhor conduta na Crise de Asma atendida no pronto-socorro é:
Óbito precoce em ferimento por arma de fogo por projeteis de alta velocidade, se deve a embolia gasosa, esse fato se deve a:
Mulher de 43 anos, três filhos, Indice de Massa Corpórea (IMC) de 32,5 kg/m2 , se apresenta ao PS com quadro de dor abdominal de forte intensidade, acompanhada de vômitos e icterícia. Os exames iniciais mostram amilase sérica de 327 Us, TGO de 122, TGP de 120, GGT de 278, bilirrubinas totais de 4,5 mg a custa de bilirrubina direta. O U.S. mostra colelitíase com pequena dilatação intra-hepática e do hepatocolédoco. Avaliação do colédoco distal e pâncreas prejudicada. A conduta deve incluir:
Compartilhar