Questões na prática

Clínica Médica

Dermatologia

Nefrologia

Reumatologia

No tocante ao câncer de pênis, é FALSO afirmar que:

A
O carcinoma espinocelular representa 97% dos tipos de tumores malignos do pênis.
B
A via de disseminação hematogênicas é mais comum que a linfática, sendo predominantes metástases viscerais, como pulmão, fígado e ossos.
C
São consideradas lesões pré-neoplásicas: condiloma de Buschke- Loewenstein, balanite xerótica obliterante, doença de Bowen e eritroplasia de Queyrat.
D
O óbito de paciente com câncer de pênis não tratado geralmente resulta de complicações regionais com, necrose, infecção na região ingnal, sepse ou hemorragia incoercível por erosão dos vasos femorais.
E
Sua etiologia está intimamente ligada com maus hábitos higiênicos.
Recém-nascido, a termo, filho de mãe diabética, parto vaginal, apgar 9/10 com bolsa rota há 3 dias. Líquido amniótico normal. Mãe não apresentava febre e tinha hemograma normal. Inicia quadro de hipoatividade e déficit de sucção com 48h de vida. Apresentava glicemia 50 mg/dl. Hemograma com 20.000 leucócitos com relação J/T de 0,20. Plaquetas 100.000 e presença de granulações tóxicas nos neutrófilos. A conduta neste paciente deve incluir:
São exemplos de cardiopatias congênitas cianóticas:
<p>Paciente, 52 anos, feminina, branca, apresenta clinicamente quadro sugestivo de colangite e pancreatite biliar, decorrente de coledocolitíase, com menos de 24h de evolução. Hemograma com leucocitose e desvio à esquerda. Apresenta AST 220 UI, ALT 350 UI, GGT 400 UI, BT 5 mg com BD 3.3 mg, amilase 2500 UI. A conduta imediata, além de antibioticoterapia, é: </p>
Mulher, 63 anos de idade, deu entrada no serviço de urgência com dor em hemiabdome direito após episódio de tosse. Apresentava diagnóstico de bronquite crônica há dois anos e três cirurgias abdominais prévias (histerectomia, drenagem de abscesso, colecistectomia). Ao exame, cicatriz xifopubiana atrófica, massa dolorosa palpável no quadrante superior direito, com descompressão dolorosa, sinal de Cullen e Grey-Turner presentes. Foram realizados exames laboratoriais (incluindo perfil de coagulação) e tomografica de abdome. Qual é a hipótese diagnóstica mais provável e conduta terapêutica?
Compartilhar