Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Infectologia

Nos casos de endocardite infecciosa em atividade de válvula nativa, em qual das situações abaixo não está indicado o tratamento cirúrgico?

A
Insuficiência mitral
B
Infecção por germes multiresistentes
C
Evidências de extensão perivalvar (abscessos, fístulas)
D
Embolia recorrente, apesar da antibioticoterapia adequada
E
Todas as situações acima têm indicação de cirurgia
Homem de 35 anos de idade procurou o pronto-socorro com quadro de dor abdominal tipo cólica, acompanhada de náuseas e vômitos. Referiu episódios anteriores semelhantes que melhoraram com antiespasmódicos, além de episódio único de enterorragia em pequena quantidade. Negou cirurgias anteriores. Ao exame físico, notou-se lesões pigmentares mucocutâneas nos lábios e nos dedos da mão. Foi indicada a cirurgia que mostrou intussuscepção jejuno-jejunal. Qual a suspeita clínica?
Mulher de 50 anos com história de Ca de mama desenvolve metástases múltiplas. Com a progressão da doença ela desenvolveu anemia com leucopenia e plaquetopenia. A possibilidade de anemia mielotísica é considerada. Qual dos seguintes achados no sangue periférico deve fortemente suportar este diagnóstico?
<p>Paciente, 52 anos, feminina, branca, apresenta clinicamente quadro sugestivo de colangite e pancreatite biliar, decorrente de coledocolitíase, com menos de 24h de evolução. Hemograma com leucocitose e desvio à esquerda. Apresenta AST 220 UI, ALT 350 UI, GGT 400 UI, BT 5 mg com BD 3.3 mg, amilase 2500 UI. A conduta imediata, além de antibioticoterapia, é: </p>
Menina, com 3 anos de idade, apresenta artrite em joelho direito há 5 meses e em tornozelo esquerdo há 3 meses. Os exames laboratoriais mostram alteração das provas de atividade inflamatória (velocidade de hemossedimentação, proteína C-reativa) e fator antinúcleo positivo. Qual o comprometimento oftalmológico esperado?
Compartilhar