Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

Nos pacientes com insuficiência respiratória, independentemente da causa, a abordagem inicial deve ter os seguintes objetivos:

A
Garantir adequada oxigenação (saturação = 92) e normalização do paCO2 em até quatro horas.
B
Garantir adequada oxigenação (saturação = 92), mantendo um pH ácido (< 7,15) para garantir a melhor liberação de oxigênio pela hemácia.
C
Garantir adequada oxigenação (saturação = 92), mantendo um pH alcalino (=7,45) para acelerar as reações bioquímicas mitocondriais.
D
Garantir adequada oxigenação (saturação = 92) e manter um pH arterial próximo do normal.
E
Garantir adequada oxigenação (saturação = 92) e reduzir agressivamente a paCO2 (< 20 mmHg), evitando edema cerebral por hipercapnia.
Diante de um paciente com instabilidade hemodinâmica e monitorização invasiva, o achado de: débito cardíaco baixo, pressão média de artéria pulmonar ocluída elevada, resistência vascular sistêmica elevada e pressão de átrio direito elevada, é compatível com o diagnóstico de:
Quanto à Insuficiência Venosa Crônica (IVC), assinale a alternativa CORRETA.
Sobre a rinoscopia anterior, assinale a alternativa correta.
A coartação de aorta é um defeito congênito comum, representa 8% das cardiopatias congênitas, caracteriza-se por estreitamento da aorta descendente logo após o arco aórtico, entre a emergência da artéria subclávia esquerda e o local de inserção do canal arterial ou ligamento arterioso, podendo ser classificada como pré-ductal e pós-ductal, conforme sua posição em relação ao canal arterial. Em relação a anomalias extracardíacas, tem sido associada a várias síndromes, tais como:
Compartilhar