Questões na prática

Pediatria

Preventiva

Pediatria Geral

O calendário de vacinação do Ministério da Saúde contempla a administração da vacina contra o rotavírus. Esta vacina:

A
deve ser administrada por via intramuscular, no músculo vasto lateral da coxa esquerda.
B
deve ser iniciada com até 5 meses e 15 dias de vida.
C
não deve ser administrada a crianças com malformações congênitas do trato digestivo.
D
tem risco de causar invaginação intestinal ligeiramente maior em relação a quem não a recebe, mas o benefício da prevenção da diarreia grave justifica sua indicação.
E
pode ser administrada concomitantemente ou a qualquer intervalo de tempo com as outras vacinas do calendário do Ministério da Saúde.
Com relação ao tratamento da Doença de Graves, a tireoidectomia cirúrgica deve ser considerada como tratamento inicial nas seguintes situações, EXCETO:
No 6º dia de pós-­operatório de gastrectomia parcial com reconstrução, a BII inicia­-se uma drenagem de secreção abundante pelo dreno no hipocôndrio direito de aspecto amarelado turvo. O paciente não apresenta sinais de peritonite. O débito é de 500ml nas 24 horas. Qual a melhor conduta neste caso?
Mulher de 25 anos, com abortamento de repetição, é portadora de malformação Mulleriana do tipo útero bicorno. Quanto à origem etiopatogênica, o defeito é:
Paciente com 32 anos queixa-­se de dismenorreia progressiva e infertilidade há 5 anos. Vem com laudo de ultra­ssonografia que mostra massa anexial com ecos finos no seu interior. Qual sua suspeita clínica?
Compartilhar