Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

O carcinoma das células de HURTLE é frequentemente considerado:

A
um subgrupo do estruma tireoideano de Ridel.
B
um tumor neuroendócrino que se origina nas células C parafoliculares.
C
uma variante do carcinoma medular da tireoide.
D
um subgrupo do carcinoma folicular de tireoide.
E
um subgrupo do carcinoma indiferenciado da tireoide.
A respeito de afecções que podem acometer a região anorretal, julgue o item seguinte. Um paciente com hemorroidas internas de segundo grau apresenta, caracteristicamente, hematoquezia e prolapso dos mamilos hemorroidários durante a evacuação, os quais necessitam de manobras digitais para a sua redução.
Um lactente com dois meses de vida foi levado à consulta de puericultura sem queixas. Ele foi um recém-nascido de termo, adequado para a idade gestacional e apresentou Apgar de primeiro e quinto minutos igual a 9. Está em aleitamento materno exclusivo e com calendário vacinal em dia. No exame físico, apresenta obesidade, com índice de massa corporal acima do percentil 95 para idade e sexo e sem outras alterações. Com referência ao caso clínico acima apresentado e a aspectos relacionados a lactentes com a idade ali mencionada, julgue o próximo item. Normalmente, na idade em questão - dois meses de vida - , o lactente inicia o sorriso social.
ABF, sexo masculino, 42 anos, comparece ao pronto-socorro com quadro de dor intensa em tornozelo direito, sente dor até ao passar o lençol com 8 horas de evolução. Informa já ter apresentado dor e edema em hálux esquerdo 2 meses antes, com melhora após uma semana, tendo usado, à época, AINEs por conta própria. Nega febre, hiporexia. História de etilismo, três a quatro garrafas de cerveja, 3 e 4 vezes por semana. Não faz acompanhamento médico regular. Ao exame: FC: 84 bpm; PA: 150 x 90 mmHg; Tax: 37,8°C; FR: 16 irpmin. Presença de edema, calor rubor em tornozelo direito. Sem outras alterações ao exame físico. Exames laboratoriais: Hb: 14,6 g%; Ht: 43%; VCM: 92; GL: 14,230 (S: 72% L: 21% Mon: 6% Eo: 1%); Plaq: 323.000; Ureia: 33 mg/dL; Creatinina: 1,1 mg/dL; Ácido úrico: 6,2 (VR: 7,0 a 9,6); PCR: 86 mg/dL; RX tornozelo D: Aumento de partes moles, sem outras alterações. Com relação ao caso anterior, é CORRETO afirmar que:
Recém-nascido de 35 semanas de idade gestacional apresenta cianose intensa desde o nascimento. Com quatro horas de vida, a oximetria mostra SaO2 de 30% em FiO2 de 100% (no capacete de oxigênio). Exame físico: cianose generalizada; B2 única. Radiografia de tórax: hipofluxo pulmonar. Eletrocardiograma: hipertrofia ventricular esquerda com eixo desviado para a esquerda. A conduta indicada é:
Compartilhar