Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

O diagnóstico colposcópico das alterações pré-neoplásicas ou neoplásicas cervicais se baseia nas seguintes características: I. Tonalidade e intensidade do acetobranqueamento. II. Padrão vascular e da coloração do iodo. III. Margem e contorno superficial das áreas acetobrancas.

No próximo item é apresentado um caso clínico seguido de uma assertiva a ser julgada. Um paciente de cinquenta e quatro anos de idade, tabagista, portador de neoplasia de cabeça de pâncreas, foi submetido à duodenopancreatectomia com preservação pilórica. O procedimento transcorreu sem intercorrências. O paciente foi transferido para UTI no pós-operatório imediato extubado, respirando ar ambiente, com saturação de oxigênio de 98%. No segundo dia após a operação, o paciente apresentou desconforto respiratório importante, baixa de saturação, com necessidade de entubação orotraqueal para assistência ventilatória adequada. A radiografia de tórax mostrou desvio da traqueia para esquerda, pequeno nível de líquido obliterando o seio costofrênico esquerdo, desvio do coração para o lado esquerdo e colapso do pulmão esquerdo. Nesse caso, a conduta clínica adequada seria manter a assistência ventilatória, realizar fisioterapia respiratória, tromboprofilaxia e drenagem torácica fechada do hemitórax esquerdo.
Um paciente afrodescendente, 64 anos, queixa-se de dores ósseas, fadiga, astenia, soluços e emagrecimento. Ele traz, à consulta, resultados de exames complementares previamente feitos, que revelam: (a) anemia normocrômica e normocítica; (b) hipercalcemia acentuada (14,2 mEq/l); (c) hiperglobulinemia; (d) retenção de ureia e creatinina séricas; e (e) lesões líticas, sem halo de esclerose, na calota craniana, coluna vertebral, costelas e ilíacos. Acerca do caso mencionado, são feitas as seguintes assertivas, uma das quais é FALSA. Qual?
A Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que a triagem auditiva através do método de emissões otoacústicas (EOA) seja realizada antes do terceiro mês de idade em:
Criança do sexo feminino com 1 ano de idade apresenta quadro de febre 39°C, inapetência e vômitos. Hemograma mostra uma leucocitose com desvio à esquerda e o exame de urina tipo I mostra leucocitúria, nitrito positivo e flora bacteriana aumentada. Sua conduta será:
Compartilhar