Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia do Trauma

O FAST (Focused Assessment for Sonography in Trauma) é um exame diagnostico rápido para avaliar pacientes com possíveis lesões tóraco-abdominais. Cirurgiões realizam o FAST como parte de uma avaliação secundária do ATLS (Advanced Trauma Life Support). Assim, quando há um hemoperitônio a imagem ultrassonográfica encontrada é:

A
anecoica.
B
isoecoica.
C
hipoecoica.
D
hiperecoica.
E
discoica.
Em relação ao rastreamento dermatológico, marque a opção correta:
Paciente feminina, 43 anos, diagnóstico recente de hipotireoidismo ainda descompensado, apresenta dor tipo neuropática em hálux e indicador e diminuição da força de pinça. Ao exame físico, apresenta Manobra de Phalen positivo. Qual o diagnóstico?
No tocante à classificação das operações quanto ao grau de contaminação, colecistectomia de urgência por videocirurgia devido colecistite aguda necrotizante; colectomia esquerda eletiva com preparo intestinal apropriado; herniorrafia epigástrica e cirurgia bariátrica mista por vídeo, são classificadas como:
Paciente de 20 anos, feminina, estudante, foi atendida na emergência, após ter sido encontrada sonolenta ao lado de três cartelas vazias de medicamento. Apresentou duas convulsões antes de chegar ao hospital. Ao exame, encontra-se comatosa com Glasgow 7, pupilas midriáticas e fotorreagentes, PA = 70/50 mmHg, frequência cardíaca = 58 bpm, pele quente e seca, hálito etílico e ruídos hidroaéreos abolidos à ausculta abdominal. O ECG mostra QRS alargado e prolongamento do PR. Procedida intubação orotraqueal, lavagem gástrica e administração de carvão ativado. Qual a medicação a ser administrada, considerando a provável classe de fármaco ingerida pela paciente?
Compartilhar