Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

O mecanismo fisiopatológico mais importante da doença do refluxo gastroesofágico é:

A
Diminuição do 'clearance' esofagiano.
B
Alteração das ondas peristálticas do esôfago.
C
Relaxamento transitório do esfíncter esofagiano inferior.
D
Retardo do esvaziamento gástrico.
Em relação ao Transplante Intestinal, é CORRETO afirmar:
Uma paciente do sexo feminino, 28 anos, relata 2 gestações prévias, pré-natal normal, nega transfusões de sangue ou cirurgias prévias. Ao fazer exame de rotina ultrassonográfico, encontra como único achado anormal esplenomegalia. Solicitado exames de laboratório, único achado plaquetopenia. Sorologias para hepatite B e C negativas. Na sequência da investigação, realiza endoscopia que evidencia varizes de fundo gástrico. Qual a provável causa?
Roberto sofreu acidente por escaldamento, com queimaduras em MSE, MIF, região anterior do tronco e face. Assim:
Paciente chega ao ambulatório de referência encaminhado pela Unidade de Saúde com os seguintes exames : HbsAg – (+), AntiHBc total – (+), HbeAg – (-), AntiHBe – (+), antiHVA – (+), AntiHCV – (-), transaminases dentro dos limites normais. Assintomático. Analise as afirmativas abaixo: 1. O paciente é portador de Hepatite B com mutação pré-core. 2. O paciente é portador de Hepatite A considerando a presença do marcador AntiHAV positivo. 3. Deverá ser realizado a quantificação do HBVDNA por PCR, com a finalidade de avaliar a condição de portador ativo ou inativo. 4. Os exames apresentados são suficientes para definir a necessidade de tratamento imediato com antivirais, considerando a presença do HbsAg positivo.
Compartilhar