Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Infectologia

Doenças Respiratórias

O pediatra de plantão é chamado a uma da manhã ao leito de um garoto de sete anos com febre, há dois dias no hospital para tratamento e controle da dor de uma crise falciforme. A criança está letárgica, mas sem desconforto respiratório agudo. Os sinais vitais são temperatura de 39,7°C, pressão arterial 100/55 mmHg, frequência cardíaca de 100 bpm e frequência respiratória 17 ipm. A pele é quente e úmida, e as conjuntivas estão claras. Não há sopro. Ausculta pulmonar normal. Uma cicatriz cirúrgica recente e em boas condições é visível no quadrante superior esquerdo do abdome. O abdome é suave e indolor, sem massas. Hemograma de urgência: 33% de hematócrito, leucócitos totais de 16.000/mm³, e contagem de plaquetas 130.000/mm³. A hemocultura colhida neste momento é mais propensa a revelar, dentro de alguns dias, o seguinte organismo:

A
Candida sp.
B
Haemophilus influenzae tipo b.
C
Pseudomonas aeruginosa.
D
Salmonella sp.
E
Streptococcus pneumoniae.
Paciente, sexo feminino, 36 anos de idade, grávida de oito meses, vítima de acidente automobilístico há um hora (colisão frontal), trazida à sala de emergência pelo SAMU, encontrando-se acordada, porém desorientada, em ventilação espontânea, eupneica, com movimentação espontânea dos membros, fásica, com discurso desconexo e abertura ocular espontânea. Referia dor em hemitórax direito. Na ocasião do acidente, seu marido dirigia o carro e faleceu na colisão. Ao exame físico, mostrava-se descorada ++/ IV. Pulso: 120 bpm, filiforme. Pressão arterial: 100X60 mmHg. Presença de dor à palpação da parede torácica anteroIateral direita, com crepitação e se evidenciando grande equimose local. Restante do exame físico era normal. Em relação à condução desse caso, é correto afirmar:
Paciente, 12 meses de vida, é levado à consulta de rotina. No seu histórico correspondente à análise do desenvolvimento - capacidade de adquirir funções ou realizar tarefas -, exclui-se:
O aneurisma de aorta abdominal:
Na determinação da superfície corporal queimada em crianças, os segmentos corporais que proporcionalmente são maiores e menores que no adulto são, respectivamente:
Compartilhar