Questões na prática

Clínica Médica

Hematologia

Nefrologia

O Sr J.A.N.S., 68 anos, tem insuficiência cardíaca grau III, insuficiência renal crônica em tratamento conservador, e apresenta os seguintes exames: Hemácias 879.000/mm³, Hemoglobina 8,9 g/dL, Hematócrito 32%, VCM 82,4 fl, HCM 23 pg, CHCM 28%, RDW 12,9%, Plaquetas 149.000/mm³, Leucócitos 4.200/mm³, B 2%, S 59%, E 2%, M 12% e L 25%. Ureia 69, Creatinina 2,3. PCR > 5,0 (normal até 0,5). Em relação a esse paciente, está CORRETO:

A
A anemia em questão não interfere no prognóstico do Sr J.A.N.S. e deverá ser tratada se sintomática.
B
A eritropoietina deverá ser iniciada assim que o paciente começar a ser dializado.
C
O Sr J.A.N.S. deverá iniciar o uso de concentrado de hemácias, pois a melhora dos níveis de hemoglobina é determinante de prognóstico.
D
O uso de eritropoietina está indicado, pois, nas anemias de doenças crônicas, a melhora dos níveis de hemoglobina tem impacto prognóstico positivo.
E
O tratamento da anemia deverá ser multidisciplinar, uma vez que a correção da ICC e da IRC restaura os níveis de hemoglobina.
Um recém-nascido de parto normal, Apgar 9/10, com 8 horas de vida inicia quadro de cianose, taquidispneia e taquicardia. Com 14 horas de vida, está hipotenso, apresentando pulsos finos e enchimento capilar acima de 3. Sobre isso, assinale a alternativa CORRETA.
Um lactente de 2 anos de idade chega ao pronto-socorro com quadro de febre de 39°C e crise convulsiva tônicoclônica generalizada. A crise dura menos de 5 minutos. Apesar da agressiva terapia antitérmica, aplicada pela mãe, a criança já apresentou outros três episódios de convulsão febril no último ano. Das drogas abaixo, a que melhor pode reduzir o risco de novas crises convulsivas febris é
J.D.G., masculino, 8 anos de idade, teve fratura fechada dos ossos do antebraço direito, sendo realizada redução incruenta e aparelho gessado axilopalmar. Retorna ao PS, após 6h, com dor em todo o membro superior acometido e parestesia na mão. No momento, há boa perfusão e pulso presente. Qual a sua conduta inicial?
Durante o período gestacional, a condição materna que predispõe mais o feto a cardiopatias congênitas é:
Compartilhar