Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

O tratamento de primeira linha para asma brônquica leve persistente é:

A
Xantina.
B
Oxigenoterapia.
C
ß2-agonista de curta duração.
D
Corticoide inalatório.
Paciente de 48 anos de idade dá entrada no pronto socorro por 24 horas de evolução de dor abdominal difusa, de forte intensidade, associada a náuseas. Hipertenso, em uso de enalapril 10mg a cada 12 horas. Ao exame apresenta FC 110, FR 28, T 37, 7C, PA 100/64mmHg, abdome plano, flácido, com dor a palpação difusa, sem descompressão dolorosa. Em relação ao caso assinale a assertiva correta.
Paciente de 35 anos de idade apresenta 3 horas de evolução de dor em flanco direito, de forte intensidade, associada a náuseas e vômitos. Nega febre. Relato anterior de história semelhante, com análise de cálculo formado por oxalato de cálcio. Ao exame apresenta-se afebril e com Giordano positivo a direita. Realizou TC de abdome que demonstrou cálculo de 0.4 cm em ureter proximal direito. Assinale a assertiva correta.
Mulher de 27 anos, com histórico de litíase renal, é submetida à ecografia abdominal que demonstra nódulo hepático. É submetida, então, à ressonância magnética, que diagnostica hiperplasia nodular focal de 5 cm de diâmetro no lobo direito do fígado. Refere uso de anticoncepcional oral. A conduta mais adequada nessa situação é:
Uma paciente de 60 anos de idade com antecedente de hipertensão arterial controlada, dislipidemia em uso de sinvastatina e histórico de tabagismo há 40 anos, cujo resultado anatomopatológico de uma cirurgia de Ressecção Endoscópica de Tumor de Bexiga (RTU) revelou um carcinoma urotelial de alto grau com invasão do músculo detrusor. O tumor era de aproximadamente 2,0 cm de tamanho, localizado na parede vesical anterior e foi totalmente ressecado na RTU. Qual a melhor conduta a seguir para este paciente?
Compartilhar