Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Endocrinologia

Os distúrbios da motilidade esofágica são alterações funcionais e interferem na deglutição ou produzem disfagia sem qualquer obstrução mecânica. Os sintomas de regurgitação, perda de peso, disfagia após ingestão inicial de líquidos gelados, hipomotilidade e aumento da incidência de câncer de esôfago são características comumente encontradas em:

A
espasmo esofagiano difuso.
B
esôfago em quebra nozes.
C
esfíncter esofágico inferior hipertensivo.
D
síndrome de Plummer - Vinson.
E
Acalásia.
Criança, nascida de parto normal a termo, apgar de 9 no primeiro minuto e de 10 no quinto minuto, pesando 3.280 g, é encaminhado para o alojamento conjunto, usando LM exclusivo. Na alta, após o segundo dia de vida, o pediatra nota icterícia de esclerótica e face. No prontuário, verifica que a mãe é Rh+, grupo A e o RN é Rh negativo, grupo O. A dosagem de bilirrubinas revelou BI igual a 10% do total. A conduta adequada que o caso requer é:
Prematuro de 27 semanas e 1080g, com 60 horas de vida, está em ventilação mecânica com parâmetros mínimos após ter recebido 2 doses de surfactante. A primeira, com 2 horas, e a segunda, com 12 horas de vida, respectivamente. Há 3 horas, apresenta queda da saturação com necessidade de aumento de parâmetros ventilatórios. Ao exame, apresenta frequência cardíaca entre 168 a 180 bpm, precórdio hiperdinâmico, sopro sistólico em terceiro espaço intercostal esquerdo e pulso amplo. Gasimetria, com aumento de PCO2 e dimuição da PaO2. Neste momento, o diagnóstico mais provável, devido à piora clínica deste prematuro, é:
Leia o caso clínico abaixo e analise as assertivas que se seguem. Seu Francisco, 48 anos, foi morar na área de abrangência da Unidade de Saúde da Família Vila Alegre. Procurou atendimento médico por apresentar quadro de tosse há 3 meses, associado à anorexia, perda de peso, febre vespertina e sudorese noturna. Referia ser alcoolista de longa data. Já havia iniciado tratamento para Tuberculose com Esquema I na USF onde morava, mas havia interrompido tratamento há 20 dias. Após exame clínico completo e realização da Lista de Problemas, o médico, junto à equipe, I. considerou o caso como uma transferência entre Unidades de Saúde da Família, não sendo necessária nova notificação. II. considerou o caso como abandono ao tratamento, associando Etambutol ao Esquema I. III. encaminhou ao CAPS AD para tratamento do alcoolismo. IV. solicitou ao ACS visitas domiciliares quinzenais para a realização de doses supervisionadas. Assinale a alternativa correta:
Analise as a?rmativas a seguir: I. A cardiomiopatia dilatada se caracteriza por dilatação e diminuição da contratilidade do ventrículo esquerdo ou ambos os ventrículos e cursa com sinais e sintomas de insu?ciência cardíaca. II. A cardiomiopatia restritiva se caracteriza principalmente pelo comprometimento da função diastólica e tem como etiologias principais a amiloidose e a endomiocardio?brose. III. A cardiomiopatia hipertró?ca se caracteriza por hipertro?a ventricular frequentemente assimétrica e, quando sintomática, pode cursar com angina do peito, fadiga, síncope e palpitações. IV. A doença de Chagas crônica, cujo agente etiológico é o Trypanosoma cruzi, cursa em 60% dos pacientes com a forma cardíaca que se caracteriza pela presença de sintomas de Insu?ciência Cardíaca, eletrocardiograma alterado e radiogra?a de tórax com cardiomegalia. Assinale a alternativa correta.
Compartilhar