Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Os guidelines para acompanhamento de lesões precursoras do carcinoma de colo uterino, já citam situações em que a pesquisa para o DNA-HPV teria uma boa indicação no seguimento e diagnóstico de pacientes especificas. Das pacientes abaixo, qual NÃO se beneficiaria da pesquisa de DNA-HPV?

A
Paciente de 26 anos com diagnóstico colpocitológico de lesão escamosa intraepitelial de alto grau
B
Paciente de 56 anos com diagnóstico colpocitológico de atipias de células glandulares e colposcopia insatisfatória
C
Paciente de 23 anos com diagnóstico de lesão escamosa intraepitelial de baixo grau em 2 exames consecutivos e colposcopia insatisfatória
D
Paciente de 37 anos com diagnóstico colpocitológico de atipias de células escamosas onde não se pode excluir lesão de alto grau e colposcopia insatisfatória
E
Paciente de 16 anos com diagnóstico colpocitológico de atipias de células glandulares e colposcopia normal
Menino, 4 anos, apresenta dificuldade de fitar o olhar, diminuição da reciprocidade social, fala incompreensível e movimentos estereotipados. O diagnóstico mais provável é:
A respeito da cetoacidose diabética, assinale a alternativa INCORRETA.
Uma paciente feminina, 24 anos, apresenta constipação intestinal que se acentuou durante a gravidez. Procura atendimento devido à dor anal intensa durante a evacuação, que persiste por horas. Apresenta sangramento vivo sobre as fezes. Qual sua hipótese diagnóstica e sua conduta inicial?
No paciente com vertigem, perda auditiva, dor e pressão ou plenitude na orelha acometida terá como provável diagnóstico o (a)
Compartilhar