Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Geral

Os limites do triângulo de Hesselbach são:

A
Medialmente a borda lateral do reto abdominal; inferiormente o ligamento inguinal, superior e lateralmente os vasos epigástrico profundos.
B
Medialmente a borda lateral do reto abdominal, inferiormente a fáscia transversalis; superior e lateralmente os vasos epigástricos profundos.
C
Medialmente a borda lateral do reto abdominal; inferiormente o ligamento inguinal; superior e lateralmente os vasos epigástricos superficiais.
D
Medialmente a borda lateral do reto abdominal; inferiormente o ligamento inguinal; superior e lateralmente a borda do músculo oblíquo interno.
E
Medialmente a borda lateral do músculo oblíquo externo; inferiormente o ligamento inguinal, superior e lateralmente os vasos epigástricos profundos.
João, 18 anos, residente em Fortaleza, comparece à unidade de saúde após “picada” de escorpião há cerca de 4 horas. Apresenta dor local. Considerando que ele tem microalbuminúria, não teve evento isquêmico coronariano e não tem insuficiência cardíaca ou renal, qual a classe de anti-hipertensivo de escolha?
Um menino de 7 anos de idade é acompanhado ao ambulatório de neuropediatra por apresentar epilepsia e faz uso rotineiro de ácido valproico (Depakene). Assinale a manifestação clinicolaboratorial que pode ser encontrada neste paciente, causada pelo anticonvulsivante em questão:
Paciente masculino, 45 anos, mecânico, apresenta quadro de 3 meses de evolução de dor em face posterior de antebraço direito, que aumenta com esforços e movimentos de pronação e supinação. Ao exame, a sensibilidade é normal, mas o paciente apresenta dificuldade para extensão dos dedos. O quadro descrito é compatível com qual dos diagnósticos abaixo?
A colangite esclerosante, uma doença rara de causa ainda desconhecida, está associada a qual doença intestinal?
Compartilhar