Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Hematologia

Pediatria Geral

Os pais de um menino de 3 anos se queixam ao médico da Unidade Básica que a criança está muito pálida. Recebeu aleitamento materno exclusivo até 6 meses de vida. Após o exame físico (peso e altura no percentil 50), o médico observa palidez intensa e solicita exames, abaixo descritos (entre parênteses, valores normais). Hemograma: Hb: 7,5 g/dL (11-14,5); Ht: 25% (33-43); VCM: 62 fL (74-89); HCM: 21 pg (24-32); CHCM: 26 g/dL (32-37); RDW (variação do volume eritrocitário): 21% (12-14). Leucócitos e plaquetas dentro da normalidade. Capacidade total de ligação do ferro: 655 µg/dL (250-425 µg/dL). Ferro sérico e Ferritina: em análise. Pode-se afirmar que:

A
A principal hipótese é de anemia ferropriva, uma vez que, além da microcitose e hipocromia, observa-se elevada variação do volume eritrocitário.
B
A presença de microcitose e hipocromia impõe a a-talassemia como principal diagnóstico.
C
O diagnóstico de ß-talassemia é o mais provável, devido à grande variação do volume eritrocitário.
D
O diagnóstico de anemia falciforme deve ser excluído, uma vez que a alta capacidade de ligação do ferro e a acentuada anemia caracterizam este diagnóstico nessa idade.
E
A deficiência da atividade da G6PD (glicose-6-fosfato desidrogenase) nas hemácias é a principal hipótese diagnóstica, pois se trata de um caso de anemia intensa, em criança do sexo masculino.
Sabendo que grande parte das afecções neonatais possam ser decorrentes de eventos hipóxicos, é correto afirmar que:
Qual é o tratamento proposto para uma criança de 4 anos com diagnóstico de rinofaringite viral?
M.S.T., masculino, 8 meses, nascido a termo, parto vaginal com fórceps, Apgar 5/9 e peso de 3200 g. Recebeu aleitamento materno até 3 meses de idade, quando foi introduzido leite de vaca integral diluído ao meio e dieta complementar. Na consulta de rotina na UBS, observado baixo ganho de peso, palidez, esplenomegalia discreta e atraso do desenvolvimento neuropsicomotor. Não há referências de doenças familiares. A hipótese diagnóstica e conduta mais corretas neste caso seriam:
Em qual das técnicas para correção da hérnia inguinal sem tensão a tela de polipropileno não é colocada no espaço pré peritoneal:
Compartilhar