Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Paciente, 28 anos de idade, procurou atendimento em razão de relação sexual desprotegida há 24 horas, desejando receber orientação sobre contracepção de emergência. Refere parceiro sexual único e nega histórico de morbidades ou hábitos. Sobre contracepção de emergência, qual alternativa está correta?

A
Os contraceptivos de emergência de progestagênio isolado são menos eficazes do que os combinados em altas doses.
B
As náuseas são mais frequentes com os contraceptivos de emergência de progestagênio isolado do que com os combinados.
C
A presença de angina pectoris é contraindicação absoluta à utilização de contraceptivos hormonais de emergência.
D
Os contraceptivos de emergência hormonais são mais efetivos se utilizados até 72 horas após a relação sexual desprotegida.
Quanto à hepatite autoimune, assinale a OPÇÃO CORRETA.
Com relação às doenças do canal anal podemos afirmar:
Criança de 10 anos de idade procura o pronto-socorro com queixa de aumento de volume no hemi-escroto direito, observado há aproximadamente 6 horas, acompanhado de dor e hiperemia local. Refere início dos sintomas após exercício físico. Com relação ao quadro clínico, assinale a alternativa correta.
Um menino de 3 anos é trazido à Emergência pelos pais devido à piora na tosse, iniciada há alguns dias. Sua tosse passou a ser acompanhada de secreção espessa em grande quantidade no dia de hoje. Os pais negam contato com outras crianças doentes. Sua temperatura é 39°C e nota-se estridor inspiratório, além de tiragens. Uma radiografia simples da região cervical com incidência para partes moles mostra edema subglótico. Qual o próximo passo na conduta desse paciente?
Compartilhar