Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Paciente, 36 anos de idade, lavradora, procedente da zona rural, cursa com diarreia há três meses com perda ponderal de 5 kg, além de dor abdominal. Nega história familiar de câncer. Tem dieta rica em frutas e legumes. O quadro se caracteriza por 8 dejeções/dia com fezes amolecidas, sem muco ou sangue visíveis. Traz exame protoparasitológico de fezes, em uma amostra, negativo. Ao exame físico, se apresenta com hipocromia de mucosas ++/4, IMC: 23 kg/cm², abdome sem visceromegalias. Os exames de laboratório evidenciam Hb: 8 g/dl, VHS: 54 mm na 1ª hora, leucograma: 14,3 mil com 76% segmentados. A colonoscopia revelou úlceras de aspecto serpiginoso em ceco e íleo terminal, com mucosa de permeio normal. O tratamento mais adequado é:

A
corticoterapia sistêmica
B
metronidazol e albendazol
C
sulfassalazina oral
D
azatioprina oral
E
sulfassalazina retal
Adolescente negro comparece ao setor de emergência de um hospital geral, acompanhado pela mãe, com queixas de “cansaço e sensação de fraqueza nos músculos”. Informa que alguns dias antes apresentou manchas vermelhas, principalmente nos braços e nas pernas, precedidas por intensa ruborização de ambas hemifaces. Tais manifestações não determinaram sintoma algum e desapareceram espontaneamente. Informa também ser portador de uma hemopatia crônica. Ao exame físico, são bem evidentes palidez da mucosa conjuntival e escleróticas ictéricas. A partir exclusivamente de tais informações, assinale a alternativa que apresenta, respectivamente: principal hipótese diagnóstica da doença ocorrida anteriormente à consulta, agente etiológico dessa referida doença e principal hipótese para as manifestações correntes que motivaram a consulta.
Recém-nascido com 6h de vida, mãe diabética, nascido de parto cesáreo, a termo, foi entubado e ventilado com pressão positiva em sala de parto. Apresenta crise convulsiva, sendo realizada avaliação da glicemia, igual a 50 mg/dl. Qual a causa mais provável da crise convulsiva apresentada?
Criança nascida a termo, com 10 semanas de vida, apresenta hemoglobina de 9,2 g/dl e VCM de 92 fl. A causa mais provável é:
Analise as afirmações abaixo sobre Insuficiência Cardíaca. I - Embora o eletrocardiograma (ECG) seja um exame bastante acessível e faça parte da investigação de pacientes com insuficiência cardíaca, ele não auxilia na identificação etiológica dessa enfermidade. II - A radiografia de tórax é empregada tanto no diagnóstico inicial, como na identificação de descompensações clínicas da insuficiência cardíaca. III - A ecocardiografia é o exame de escolha na avaliação morfofuncional de pacientes com insuficiência cardíaca. Qual a alternativa correta?
Compartilhar