Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Gastroenterologia

Pediatria Geral

Paciente, 4 meses de idade é levado à consulta com história de diarreia de 2 dias, com uma média de 5 evacuações/dia e vômitos associados, e febre de 38,9°C. Ao exame físico, sinais de desidratação de 2º grau. O agente etiológico mais provável, nesse caso é:

A
E.coli.
B
Rotavírus.
C
Salmonella sp.
D
Giardia lambria.
E
Shigella.
A prevalência mundial da Diabetes Melito (DM) aumentou drasticamente nas últimas décadas. Estíma-se um crescimento ainda maior em um futuro próximo. A partir desses achados, em bases epidemiológicas nacionais, poderíamos afirmar quanto a esta complexa condição de saúde:
São características da síndrome hepatorrenal, EXCETO:
No controle de pacientes diabéticos busca-se atingir níveis de hemoglobina glicada entre 6,0 e 7,0%. No entanto é importante conhecer as situações que geram erros de interpretação deste exame, tais como:
Jovem hígido, destro, estudante de educação física da Univali, praticante de judô e canoagem no Rio Itajaí-Açu, há uns 45 dias iniciou com lesão cutânea, única, assintomática, do tipo “bolinha” de pus, com o tamanho de uma cabeça de prego, no dorso da mão direita e que evoluiu para uma lesão do tipo úlcera, anular, com fundo granuloso e limpo, bordas levemente elevadas, atualmente com diâmetro de 2,0 cm e ausência de gânglios satélites ou linfoadenopatia. Conforme os dados citados acima, entre as intradermorreações listadas abaixo, assinale a alternativa que representa a mais apropriada para a investigação diagnóstica do caso:
Compartilhar