Questões na prática

Clínica Médica

Neurologia

Nefrologia

Paciente, 45 anos, chega à emergência com dispneia intensa há 3 dias após um resfriado. É portador de Esclerose Lateral Amiotrófica diagnosticada há 10 meses. Exame físico: frequência respiratória de 32 irpm, PA: 160 x 95 mmHg, Pulso: 110 bpm, regular, em uso da musculatura acessória (++/4), respiração paradoxal presente, SpO2 84%, expansibilidade torácica reduzida. Ausculta pulmonar: Murmúrio vesicular diminuído bilateralmente. Ausculta cardíaca: Normal. Quais os resultados mais prováveis na gasometria arterial colhida em ar ambiente?

A
pH: 7,46; PaO2: 55 mmHg; PaCO2: 30 mmHg; SaO2: 86%
B
pH: 7,35; PaO2: 55 mmHg; PaCO2: 45 mmHg; SaO2: 86%
C
pH: 7,25; PaO2: 50 mmHg; PaCO2: 64 mmHg; SaO2: 83%
D
pH: 7,20; PaO2: 80 mmHg; PaCO2: 25 mmHg; SaO2: 86%
E
pH: 7,02; PaO2: 75 mmHg; PaCO2: 85 mmHg; SaO2: 83%
Paciente portador de doença hemorroidária interna (Grau IV), a melhor opção terapêutica é:
Classifique o Apgar do recém-nascido que apresenta as características abaixo: - Ao final do primeiro minuto de vida: frequência cardíaca de 120 bpm, respiração iregular, movimentação ativa, responde com careta à introdução do cateter na narina, corpo róseo e extremidades cianóticas. - Ao final do quinto minuto: frequência cardíaca de 140 bpm, chorando com boa respiração, mantendo movimentação ativa, apresentando tosse à passagem de cateter nasal e completamente róseo.
Homem de 80 anos vai ao consultório médico referindo indisposição e hiporexia de início há três meses. Faz uso de Sinvastatina e Doxazosina para tratamento de dislipidemia, hipertensão arterial e hiperplasia prostática benigna de longa data. Fez um hemograma que mostrava: Ht 29%; VCM 82 fl; RDW 14%; série branca e plaquetária normais; e tinha um VHS de 42 mm. Ao exame clínico, estava levemente descorado e emagrecido, sem outras alterações. A causa mais provável da anemia desse paciente é
Na avaliação pré-operatória de uma colecistectomia videolaparoscópica eletiva de um homem com 45 anos de idade, em que a anamnese e o exame físico não sugerem doença cardíaca isquêmica, insuficiência cardíaca, diabetes mellitus, aterosclerose generalizada ou doença renal crônica, sendo este homem capaz de subir dois andares sem sintomas, a conduta recomendada é:
Compartilhar