Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Paciente, 52 anos de idade, G4P3A1, queixa-se de sangramento pós-coital há 7 meses. Relata, ainda, fluxo genital com mau cheiro há 15 dias. Coitarca aos 15 anos. Relata passado de sífilis e ser tabagista desde os 17 anos, fumando atualmente uma carteira por dia. Ao exame físico, TA: 100 x 70 mmHg, PR: 80 bpm. Exame segmentar sem alterações. Exame especular revela lesão exofítica de 2,0 cm em lábio anterior do colo uterino. São fatores para câncer de colo uterino, EXCETO:

A
Coitarca precoce
B
Tabagismo
C
DST
D
Menopausa tardia
E
Multiparidade
Paciente de 25 anos sofreu queda de altura de 2 metros, com trauma em membro inferior direito. Atendido no serviço de emergência com 1 hora de evolução, é diagnosticada uma fratura transversa de ossos da perna, associada a ferimento da pele de 3 cm, com exposição dos fragmentos ósseos. A ferida apresenta-se de aspecto limpo e não há sinais de comprometimento vascular ou nervoso. Assinale a alternativa que indica o tratamento adequado dessa lesão.
Em relação à reanimação neonatal na sala de parto, identifique as afirmativas abaixo como verdadeiras (V) ou falsas (F). ( ) Na ausência de líquido amniótico meconial, um recém-nascido com 35 semanas de idade gestacional, que apresente ao nascimento choro forte e bom tônus muscular, não necessita ser submetido aos passos iniciais da reanimação neonatal, bastando manter suas vias aéreas pérvias e prover calor, colocando-o sobre o tórax e/ou abdome materno. ( ) Diante da presença de líquido amniótico meconial fluido ou espesso, recomenda-se que o obstetra aspire boca, faringe e narinas, com sonda de aspiração traqueal nº 8 ou nº 10, assim que haja o desprendimento do polo cefálico. ( ) Para a ventilação com pressão positiva, pode-se utilizar um balão autoinflável, um respirador manual ou um balão anestésico, tendo como interfaces a máscara ou a cânula traqueal e, eventualmente, a máscara laríngea. ( ) A intubação traqueal é indicada se houver necessidade de realizar massagem cardíaca e/ou de administração de adrenalina. ( ) Caso não haja resposta à administração traqueal de adrenalina, ou diante da necessidade de utilizar expansores de volume, bicarbonato ou naloxona, a via preferencial para administração de medicações na sala de parto é a veia umbilical. Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta, de cima para baixo.
Paciente de 5 anos, é levado a unidade de saúde por apresentar há mais de 2 anos história de coriza, espirros e prurido nasal importantes praticamente diários, acompanhados de obstrução nasal, que incomodam o paciente e atrapalham sua atividade física, o sono e na escola. Sobre esse caso, assinale a afirmativa CORRETA:
Mãe procura pronto-socorro referindo que seu filho de 4 anos parou de movimentar o braço direito, após ter brincado de ser balançado pelos braços pelo pai. Exame físico: imobilidade do membro superior direito e cotovelo flexionado. A HIPÓTESE DIAGNÓSTICA É:
Compartilhar