Questões na prática

Pediatria

Doenças Respiratórias

Paciente, 6 meses de idade, previamente hígido vem ao atendimento com coriza nasal hialina há 5 dias; febre diária (2 picos que cedem com antitérmico) há 4 dias, e há 3 dias com chiado no peito e tosse seca. Houve diminuição do apetite neste período. Nota-se regular estado geral, taquidispneico, acianótico, anictérico e tórax com retração intercostal e subdiafragmática. A ausculta pulmonar evidencia murmúrio vesicular presentes, porém, diminuídos difusamente em bases posterior com aumento do tempo expiratório e sibilos esparsos. FR = 60 irpm e FC = 150 bpm. O diagnóstico e os agentes etiológicos comuns desta doença são:

A
Pneumonia bacteriana; Streptococcus pneumoniae e Staphylococcus aureus.
B
Pneumonia viral; parainfluenza vírus e H1N1.
C
Bronquiolite aguda; vírus sincicial respiratório e metapneumovírus.
D
Bronquite infecciosa; influenza e adenovírus.
Sobre parafimose no lactente, assinale a assertiva incorreta.
Em relação aos divertículos do esôfago podemos afirmar que: I- O divertículo de Zenker pode ser tratado por cirurgia ou via endoscópica; II- Os divertículos de esôfago médio são os mais comuns e estão associados à acalasia esofágica; III- Os divertículos epifrênicos são de pulsão ou falsos e frequentemente associados à disfunção motora do esôfago
Qual dos seguintes achados na história e exame físico da criança portadora de constipação intestinal NÃO é sugestivo de doença de Hirschsprung?
Pac. sexo masculino. 26 anos, iniciou quadro de dor epigástrica e retroesternal, seguidos de vômitos com raios de sangue com evolução de 12h. Refere ingestão abusiva de álcool na noite anterior. Nega episódios semelhantes anteriormente e se apresenta hemodinamicamente estável. Qual a hipóstese diagnóstica?
Compartilhar