Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Paciente 65 anos, sexo masculino, apresentou dor epigástrica inicial localizando-se posteriormente em fossa ilíaca direita. Ao exame físico, mostrava dor à descompressão brusca na fossa ilíaca D. Foi submetido a apendicectomia clássica, e o laudo histopatológico revelou tratar-se de adenocarcinoma invasivo mucinoso do apêndice. A conduta mais adequada, neste caso, é:

A
observação rigorosa do paciente nos primeiros dias de pós-operatório.
B
não existe diferença entre apendicectomia por apendicite aguda ou adenocarcinoma.
C
hemicolectomia direta.
D
seguimento com dosagem periódica do antígeno carcinoembrionário (CEA).
E
a mesma para tumores carcinoides do apêndice medindo menos de 1cm.
Paciente masculino com 58 anos, fumante e consumidor diário de bebidas alcoólicas, com suspeita de ser portador de neoplasia originária na mucosa das vias aerodigestivas superiores (VADS). Dentre as afirmativas abaixo, assinale a incorreta.
Mulher, 65 anos, com dor em fossa ilíaca esquerda há 2 dias. Ao exame, em bom estado geral, hidratada, PA 140x90mmHg, pulso 110, temperatura 38 ºC, abdome discretamente distendido com dor intensa à palpação da fossa ilíaca esquerda, sem irritação peritoneal. Assinale a alternativa que apresenta o exame para diagnóstico e o tratamento inicial, respectivamente:
Paciente com 35 anos apresenta tumoração próxima ao ânus, com dor intensa, febre, mal-estar, calafrios e tenesmo retal. Assinale a alternativa correta. 
Um paciente de dois anos chega ao consultório com relato de tosse e febre alta há 48 horas. Qual(ais) dos achados abaixo ele deve apresentar, para que se suspeite de pneumonia?
Compartilhar