Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Hematologia

Paciente 71 anos, sexo masculino com dor epigástrica, saciedade precoce e fadiga há seis meses. Apresentou quadro de abdômen agudo. Durante laparotomia, foram achadas perfuração gástrica e poli-linfoadenomegalia retroperitoneal. No exame de congelação, tratava-se de linfoma gástrico tipo MALT. Sobre a questão é correto afirmar:

A
o tratamento cirúrgico radical com gastrectomia e linfadenopatia neste caso se impõe.
B
os linfomas de MALT não estão associados com presença do H. pylori.
C
o tratamento seria igual ao adenocarcinoma gástrico.
D
rafia da perfuração e quimioterapia seriam o melhor tratamento.
E
rafia da perfuração e radioterapia intraoperatório são o tratamento mais moderno aceito.
Nas uveítes associadas com artrite juvenil crônica, é INCORRETO afirmar que:
Em relação às uveítes anteriores, marque V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas. ( ) Caracterizam-se pela inflamação preponderante do segmento anterior do olho; ( ) A iridociclite é o achado ocular mais comum nos pacientes com síndrome de Reiter, afetando, aproximadamente, 30 a 60% de todos os pacientes, sendo geralmente bilateral e autolimitada; ( ) Quando relacionada à infecção por sífilis, pode ser grave e não responsiva à medicação; ( ) Os achados oculares mais frequentes relacionados à tuberculose são: precipitados ceráticos granulomatosos e nódulos de íris. A sequência está correta:
Entre as informações obtidas da história para orientar a avaliação do risco cirúrgico, estão: informações sobre a doença de base, que indicou o procedimento cirúrgico, incluindo informações do cirurgião sobre o risco e o local do procedimento, NÃO podemos aceitar que
Paciente de 65 anos, previamente hígido e trabalhador braçal, deu entrada no Pronto Socorro com náuseas e vômitos há 6 horas, dor inguinal direita intensa com irradiação testicular e aumento do volume em região inguinal. Refere ter sido submetido há 1 ano a prostatectomia por doença benigna. No exame clínico abaulamento irredutível em região inguinal acompanhado de dor intensa à palpação. Achado transoperatório de anel inguinal interno dilatado com preservação de parede posterior, contudo isquemia de alça de íleo encarcerada com omento. Neste caso o diagnóstico e tratamento prováveis são
Compartilhar