Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Pneumologia

Paciente apresenta hérnia de hiato esofágico do tipo 1 associada a refluxo gastro-esofágico e mucosa de Barrett com displasia grave, sendo indicada ablação fotodinâmica da mesma. Cerca de 12 horas após o procedimento endoscópico para tal, apresenta dor retroesternal com irradiação cervical e enfisema subcutâneo nesta região. Qual o melhor método diagnóstico para o quadro clínico agudo, apresentado pelo paciente?

A
Esofagograma com contraste iodado.
B
Tomografia computadorizada do tórax e do pescoço.
C
Ressonância nuclear magnética do mediastino.
D
Esofagograma com contraste à base de bário, diluído.
E
Endoscopia digestiva alta 24 horas após o procedimento inicial.
Tem maior risco de desenvolver osteomielite, EXCETO:
Dos anticorpos abaixo o que se espera ter menor concentração no concepto é:
Podem ser causas de crises convulsivas agudas, exceto:
Em relação à doença celíaca, podemos afirmar que: I. O diagnóstico pode ser feito através de biópsia do intestino delgado e, na histologia, identificam-se graus variados de atrofia vilositária, hipertrofia das criptas e aumento dos linfócitos intraepiteliais. II. A apresentação clínica e a gravidade dos sintomas são proporcionais à extensão do segmento de intestino delgado comprometido. III. A grande maioria dos casos da doença está associada ao HLA-B27. IV. Anticorpos antiendomísio e antitransglutaminase são altamente sensíveis e específicos para o diagnóstico da doença.
Compartilhar