Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Paciente, com 25 anos de idade, nuligesta, com tumor macroscópico de colo uterino de aproximadamente 4cm de diâmetro. À colposcopia, não foi evidenciada invasão de fórnices vaginais e, ao toque retal, paramétrios são livres. Foi realizada ressonância magnética da pelve que excluiu a possibilidade de invasão vesical e retal, mas evidenciou nítida invasão parametrial bilateral proximal, sem comprometimento da vias urinarias. A melhor conduta a ser adotada é:

A
Radioterapia pélvica com braquiterapia e quimioterapia sensibilizante
B
Histerectomia ampliada e linfonodectomia pélvica
C
Traquelectomia radical e linfonodectomia pélvica laparoscópica
D
Quimioterapia neodjuvante e cirurgia de Wertheim-Meigs
E
Radioterapia neoadjuvante e cirurgia de Wertheim-Meigs
Empiema, derrame pleural parenquimatoso, pneumatoceles e insuficiência respiratória são complicações frequentes em qual quadro de pneumonia?
Paciente com crise de asma brônquica há aproximadamente 12 horas, evolui com gasometria: - pH= 7,18; pO2= 45 mmHg; pCO2= 59 mmHg e BE +4. A conduta imediata a ser adotada é:
Na etiopatogenia do câncer gástrico, alguns fatores devem ser considerados como importantes. Dentre os citados abaixo, destacam-se:
A tromboembolia pulmonar é considerada uma importante complicação clínica. São identificados como fatores de risco os seguintes:
Compartilhar