Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Cardiologia

Paciente de 06 anos de idade apresenta em consulta de rotina, sopro cardíaco. Justifica-se a necessidade de prosseguir com a investigação quando se encontra a seguinte característica do sopro:

A
frêmito sistólico.
B
duração breve.
C
desdobramento variável da segunda bulha.
D
localização em borda esternal esquerda baixa.
E
alteração de sua intensidade com a respiração.
Durante o plantão você acompanha o atendimento de ressuscitação cardiopulmonar em lactente de 18 meses. Foi realizada intubação orotraqueal, iniciadas compressões sincronizadas torácicas e ventilação na proporção de 15:2 e administração de adrenalina intravenosa. EM RELAÇÃO À CONDUTA, VOCÊ:
ID: Mulher, 58 anos de idade, portadora de fibrilação atrial diagnosticada há dois anos, HMA: iniciou há 8 horas com dor, frialdade e cianose fixa no pé esquerdo. Nega história prévia de claudicação intermitente em membros inferiores (MMIIs). EF: não apresenta os pulsos distais palpáveis no MIE e o exame do MID encontra-se normal, com todos os pulsos palpáveis. INR= 1,8. A conduta imediata mais apropriada é:
No ambulatório de cirurgia geral são atendidas 5 crianças. I - Menino de 2 meses com hidrocele direita. II - Menino de 18 meses com criptorquidia. III - Menino de 4 meses com fimose. IV - Menina de 5 meses com hérnia inguinal esquerda. V - Menina de 2 meses com hérnia umbilical. As crianças que já apresentaram indicação cirúrgica são:
Menino, 5 anos de idade, com constipação intestinal há 2 anos. HMA: antes do início do quadro, evacuava diariamente. Começou a apresentar fezes endurecidas, com piora progressiva da constipação. Agora, fica até 20 dias sem evacuar e necessita de lavagens intestinais. A criança não tem vontade de evacuar e quando tem vontade não consegue eliminar as fezes, mas elimina flatos ocasionais. EF: apresenta-se corado, bem nutrido e hidratado. Abdome globoso, onde palpa-se um grande fecaloma tomando todo o hemiabdome esquerdo, avançando a linha média para a direita. Ao toque: presença de fezes muito endurecidas, sem outras alterações. A conduta é:
Compartilhar