Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Infectologia

Paciente de 36 anos, do sexo feminino, com diagnóstico de AIDS há 3 meses, quando iniciou tratamento com biovir e efavirens, apresentou dosagem de CD4 de 118 cel mm³. Refere, há 2 semanas, quadro de diarreia aquosa em grande volume acompanhada de distensão, flatulência e dor abdominal, emagrecimento de aproximadamente 3 kg. É correto afirmar:

A
Devemos pensar em doença de Crohn e iniciar imediatamente tratamento com corticosteroides.
B
Trata-se de quadro compatível com retocolite ulcerativa inespecífica, devendo ser indicada colonoscopia.
C
Paciente deve ter Criptosporidiose ou Isospora belli, devendo ser feita investigação desses agentes nas fezes.
D
Deve-se considerar fortemente a possibilidade de micobactéria atípica, portanto tratar.
E
Com grande possibilidade, deve ser infestação por Oxyurus vermicularis.
Com relação ao atendimento no PS de um paciente 30 anos vítima de trauma penetrante em tórax, marque V (verdadeiro) ou F (falso) e selecione a sequência correta: ( ) Quando há hematoma de mediastino ou hematoma extrapleural apical deve-se considerar a possibilidade de lesão traumática de um grande vaso; ( ) São sinais radiológicos de ruptura traumática de aorta: alargamento de mediastino, obliteração de cajado aórtico, estreitamento da linha paratraqueal, rebaixamento do brônquio fonte principal esquerdo e hemotórax à esquerda; ( ) A drenagem de tórax é feita anterior a linha axilar média, 5º EIC, através da incisão de 2 cm e inserção do dreno em direção posterior e superior, procurando desta forma obter a drenagem de ar e sangue; ( ) Lesões de diafragma por trauma penetrante produz perfurações pequenas, que podem levar até anos para herniar, já as lesões por trauma contuso produzem perfurações grandes que levam a herniações mais precoces; ( ) A hipotensão recorrente em paciente com ruptura traumática de aorta que chega ao PS, é devido geralmente a um sangramento na própria artéria aorta.
Recém nascido a termo, apgar 9 no primeiro e quinto minuto, com 12 horas de vida, inicia quadro de taquipneia, cianose, palidez cutânea e dificuldade para sugar. Ao exame, não apresenta sopros cardíacos, presença de segunda bulha única e alta. Radiografia de tórax com área cardíaca normal e transparência pulmonar normal. Eletrocardiograma apresenta padrão de sobrecarga ventricular direita. Gasometria arterial com hipoxemia e acidose metabólica. Este recém-nascido se beneficiará com o uso de:
Em paciente jovem com história de sinusite, hemoptise e pneumonias de repetição, o diagnóstico mais provável é:
Quanto à intoxicação aguda/abuso por crack, assinale a alternativa incorreta:
Compartilhar