Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Paciente de 54 anos, casada, VII Gesta Para (6 partos normais), agenda consulta no ambulatório de ginecologia por sangramento genital persistente, que adquiriu odor fétido nos últimos 2 meses. Ao exame ginecológico especular, o colo uterino tinha anatomia alterada em virtude de lesão vegetante, sangrante ao toque da pinça de Cherron. Ao toque bimanual, o útero e ovários tinham volumes normais, esperados para a idade da paciente. Ao toque retal havia um abaulamento extrínseco anterior, e o paramétrio estava fortemente endurecido, com nodulações até a pelve óssea. Submetida à biópsia dirigida do colo uterino, o resultado foi de carcinoma epidermoide invasivo.

A
cirurgia de Wertheim-Meigs.
B
radioterapia pré-operatória e histerectomia total abdominal com linfadenectomia pélvica.
C
radioterapia com quimossensibilização.
D
quimioterapia neoadjuvante e histerectomia radical com colpectomia.
E
radioterapia exclusiva.
Sobre síndrome nefrótica idiopática na infância, é correto afirmar que:
Nos quadros de sinusite aguda, afirme a alternativa correta:
Na correção cirúrgica de hérnias incisionais, qual dos fatores abaixo parece ser mais predisponente na formação de seroma pós-operatório:
Sobre as poliposes e os tumores do cólon é correto afirmar: I - a síndrome de Peutz-Jeghers acomete o intestino delgado, sendo provocada por pólipos adenomatosos com alto potencial de malignização. II - doenças como a retocolite ulcerativa e o megacólon são fatores de risco para o carcinoma coloretal. III - a polipose familiar é formada por adenomas com alto potencial maligno. IV - As síndromes de Gardner e de Turcot são formadas por hamartomas sem potencial de malignidade.
Compartilhar