Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Paciente de 62 anos, previamente hígido, procurou o pronto socorro por melena. Foi submetido à endoscopia digestiva alta, a qual demonstrou úlcera duodenal com vaso visível, sem sangramento ativo. Assinale a alternativa INCORRETA em relação ao caso apresentado:

A
O risco de sangramento recorrente é elevado.
B
Deve-se manter o uso de inibidores de bomba de prótons ou antagonistas H2 endovenosos em doses elevadas.
C
A presença de vaso visível é indicação de terapia endoscópica.
D
O paciente deve ser hospitalizado
E
Em caso de recorrência do sangramento após terapia endoscópica, pode-se tentar novo tratamento endoscópico.
Paciente, com 25 anos de idade, nuligesta, com tumor macroscópico de colo uterino de aproximadamente 4cm de diâmetro. À colposcopia, não foi evidenciada invasão de fórnices vaginais e, ao toque retal, paramétrios são livres. Foi realizada ressonância magnética da pelve que excluiu a possibilidade de invasão vesical e retal, mas evidenciou nítida invasão parametrial bilateral proximal, sem comprometimento da vias urinarias. A melhor conduta a ser adotada é:
Em relação ao tratamento da pré-eclâmpsia grave e/ou eclâmpsia, podemos afirmar que:
Um quadro convulsivo é, em princípio prope­dêutico:
Com relação a gastrina, podemos afirmar, exceto:
Compartilhar