Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Paciente de 65 anos com início há duas horas de dor retrosternal tipo opressiva com irradiação para mandíbula e dorso, chega ao hospital ainda com dor. Você monitora, instala oxigênio, providencia um acesso venoso e verifica dados vitais. Para continuar o atendimento do paciente acima, qual a conduta que deverá ser tomada a seguir?

A
Iniciar estatina.
B
Iniciar inibidor da enzima de conversão de angiotensina.
C
Iniciar bloqueador dos canais de cálcio.
D
Providenciar eletrocardiograma, marcadores de necrose miocárdica e no máximo em 10 minutos raio X de tórax.
E
Fazer história e exame físico detalhados para a seguir iniciar terapia medicamentosa.
Paciente, com 48 anos de idade, G4P2A2, submetida à histerectomia subtotal, há 8 anos, por miomatose uterina com história de sinusorragia há 4 meses e há 15 dias vem apresentando sangramento vaginal persistente e dor pélvica. Ao exame, notou-se bom estado geral, descorada +/4+, tórax e abdome normais. No exame especular notou-se a presença do colo uterino, vagina normal e o orifício externo não estava individualizado pela presença de lesão irregular e sangramento. Ao toque, o corpo uterino não é palpável e o colo é doloroso à mobilização. No toque retal, a mucosa é lisa, o paramétrio esquerdo está irregular e doloroso, sendo que a irregularidade atinge a parede óssea da pelve. Existe encurtamento do paramétrio direito. Qual das alternativas indica a suspeita diagnóstica, o exame para confirmação e o tratamento?
Em relação a pneumonias em crianças, assinale a assertiva correta:
No que se refere ao partograma e ao diagnóstico dos partos distócicos, podemos afirmar: I - o partograma é considerado um instrumento que reduz os riscos de morte perinatal e incidência de trabalho de parto prolongado. II - a fase ativa prolongada manifesta-se com dilatação progressiva, porém lenta demais, com velocidade inferior a 1 cm por hora, ultrapassando facilmente a linha de alerta e podendo atingir a linha de ação. III - a parada secundária da dilatação caracteriza-se pela persistência da mesma dilatação, evidenciada por dois toques consecutivos com intervalo de 2 horas, e também pode atingir as linhas de alerta e de ação. Qual a alternativa correta?
Paciente portador de Linfoma não Hodgkin, de células grandes, submetido à quimioterapia, desenvolveu Síndrome de lise tumoral. No perfil bioquímico, costuma haver diminuição dos níveis séricos de :
Compartilhar