Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Paciente de 65 anos com início há duas horas de dor retrosternal tipo opressiva com irradiação para mandíbula e dorso, chega ao hospital ainda com dor. Você monitora, instala oxigênio, providencia um acesso venoso e verifica dados vitais. Para continuar o atendimento do paciente acima qual a conduta que deverá ser tomada a seguir?

A
Iniciar estatina.
B
Iniciar inibidor da enzima de conversão de angiotensina.
C
Iniciar bloqueador dos canais de cálcio.
D
Providenciar eletrocardiograma, marcadores de necrose miocárdica e no máximo em 10 minutos radiografia de tórax.
E
Fazer história e exame físico detalhados para a seguir iniciar terapia medicamentosa.
Ao examinar uma paciente com pequena tumoração redutível na região inguinal direita. Observamos que quando a paciente tosse ou lhe solicitado que faça a manobra de Valsalva detectamos um abaulamento abaixo do ligamento inguinal. De acordo com a classificação de Nyhus como você classificaria esta hérnia:
A colangite esclerosante primária é uma doença de causa desconhecida e pode estar associada a:
O Índice de Massa Corporal (IMC) ou Índice de Quetelet é calculado pela relação entre:
Mulher de 65 anos, portadora de insuficiência cardíaca, procura hospital por piora da dispneia há uma semana. Nega palpitação, dor torácica ou hemoptise. Exame físico: PA: 90x60 mmHg, pulso: 110 bpm (arrítmico) e frequência respiratória: 24 ipm; pulmonar: estertores em ambas as bases; abdome: fígado palpável a 3 cm do rebordo costal direito, doloroso; extremidades: edema de membros inferiores 2+/4+, com diminuição da perfusão periférica. ECG: fibrilação atrial. Ela faz uso de captopril e betabloqueador. Nesse momento recomenda-se:
Compartilhar