Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Paciente do sexo feminino, 38 anos, chega à sala de emergência com edema agudo de pulmão, em fibrilação atrial, evolui com insuficiência respiratória, sendo necessário ventilação mecânica e, após estabilização clínica, nota-se à ausculta cardíaca bulhas arrítmicas e sopro diastólico (+++/4+) em foco mitral. Sua principal hipótese diagnóstica:

A
Insuficiência mitral reumática
B
Insuficiência aórtica reumática
C
estenose aórtica
D
estenose mitral reumática
E
estenose tricúspide
Considere um caso de choque hemorrágico por varizes esofágicas sangrantes em paciente hepatopata evoluindo com hipotensão arterial (85x50 mmHg) e oligúria, após sondagem vesical e passagem de balão esofágico. Os exames revelam: Hb 6,5 g/dl; Htc: 21%, tempo de protrombina: 23 seg com INR: 1,5; proteínas totais: 6,0 mg/dL; com albumina:2,5 mg/dL; ureia:95mg/dL; creatinina: 1,9 mg/dL, potássio: 4,8mEq/. O conjunto de medidas terapêuticas iniciais mais adequado no momento é:
Um lactente de seis meses comparece na emergência pediátrica do hospital com história de febre alta há cerca de cinco dias, tosse produtiva, falta de ar e, nas últimas vinte e quatro horas, vômitos. Junto com o quadro, a mãe refere inapetência e prostração e, quando questionada, informa que amamentou até o segundo mês e que seu filho fez todas as vacinas para a idade. No exame físico, o paciente encontra-se choroso, em regular estado geral, com uma frequência respiratória de 58 movimentos respiratórios por minuto, tiragem intercostal, em retração subcostal e, na ausculta respiratória, apresenta múltiplos ruídos de transmissão. O restante do exame físico não apresenta outras alterações. A radiografia de tórax mostrou pequenos focos de consolidação na base pulmonar direita. Baseado nessas informações, qual a conduta inicial frente ao caso?
Em relação ao tratamento farmacológico dos transtornos de ansiedade, assinale a assertiva correta:
Mãe ansiosa leva seu filho menor, lactente de 10 meses, ao posto de saúde próximo à sua residência para avaliação pediátrica, pois acha que o mesmo não está se desenvolvendo como o filho da vizinha que tem a mesma idade. Baseando-se nos marcos do desenvolvimento neuro-psicomotor adequado, qual dos dados abaixo justificaria a preocupação desta mãe?
Compartilhar