Questões na prática

Clínica Médica

Dermatologia

Paciente do sexo feminino, com 65 anos de idade, com queixa de lesão na fronte há vários anos, que lentamente vem aumentando de tamanho e ulcerou. Ao exame dermatológico, apresenta nódulo de aproximadamente 1,5 cm de diâmetro, com ulceração central recoberta por crosta que, ao ser retirada, ocasiona sangramento. As bordas da lesão são translúcidas, com formações perláceas e finas telangiectasias. O diagnóstico provável é:

A
melanoma maligno.
B
carcinoma espinocelular.
C
carcinoma basocelular.
D
sarcoma epitelioide.
E
granuloma piogênico.
MFPD, feminino, de 38 anos compareceu ao ambulatório na atenção primária queixando-se de sangramento vermelho-vivo presente ao limpar-se com papel higiênico e dor ao evacuar. Refere constipação crônica com piora há três meses, coincidente com a presença da disquesia. Com base nessa história, assinale o diagnóstico mais provável.
Um recém-nascido a termo nasce por via vaginal. Imediatamente após o nascimento, observa-se que a criança apresenta um abdome escavado, cianose e sofrimento respiratório. As bulhas cardíacas são ouvidas no lado direito do tórax e os ruídos respiratórios parecem estar diminuídos do lado esquerdo. O próximo passo na ressuscitação desta criança é:
Em relação à classificação de Nyhus, marque a alternativa errada:
Mulher, 31a, refere dor lombar esquerda há 6 dias e, nos últimos 2 dias, sangue na urina. Exame físico: bom estado geral, corada, desidratada 1+/4+; T = 36,5°C; FC = 100 bpm; FR = 16 irpm; PA = 130 x 88 mmHg; abdome flácido, sem irritação peritoneal, punho percussão de loja renal positiva à esquerda. Exames laboratoriais: creatinina = 0,9 mg/dl; exame de urina: hemácias > 100/campo, leucócitos = 10/campo, proteína ausente, nitrito negativo. Ultrassonografia abdominal: rim esquerdo aumentado de volume com hidronefrose acentuada e imagem de cálculo medindo 18 mm na junção pieloureteral. Rim direito e ureteres sem alterações. A CONDUTA É:
Compartilhar