Questões na prática

Dermatologia

Paciente do sexo masculino, 42 anos, compareceu ao ambulatório de dermatologia com queixa de dor e calor na perna direita. Ao exame dermatológico, apresentava comprometimento de extensa área no membro inferior direito que se encontrava edemaciado, eritematoso e quente. Além disso, apresentava tinha interdigital entre o terceiro e quarto pododáctilo e linfadenomegalia inguinal à direita. O quadro cutâneo estava associado a sintomas gerais de febre (39°C) e calafrios.De acordo com o caso clínico descrito, marque a alternativa incorreta:

A
A erisipela é geralmente causada pelo estreptococo beta-hemolítico do grupo A.
B
O caso descrito pode evoluir com bolhas associadas, sendo denominada erisipela bolhosa.
C
O paciente acima não apresentava fator de risco para o desenvolvimento dessa dermatose causada por bactéria.
D
O linfedema ou mesmo a elefantíase podem ocorrer como conseqüência dos surtos recidivantes.
E
A droga de escolha para o tratamento é a penicilina.
Em relação à artrite gonocócica assinale as afirmações verdadeiras: I. A cultura do líquido sinovial é frequentemente negativa. II. O alívio dos sintomas requer, no mínimo, sete dias de tratamento. III. Existe maior risco durante a menstruação e gravidez. IV. Frequentemente é necessária a realização de lavagem artroscópica.
Homem, 82 anos com herpes zoster. A complicação neurológica mais frequente é:
A otite média aguda (OMA) é mais prevalente no lactente e na criança pequena, sendo o agente mais frequente na etiologia bacteriana:
Qual autoanticorpo tem maior frequência nos casos de Lúpus eritematoso sistêmico?
Compartilhar