Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Endocrinologia

Cardiologia

Paciente do sexo masculino, 48 anos, com índice de massa corpórea (IMC) = 34 kg m2, circunferência abdominal = 106 cm e glicemia de jejum = 115 mg/dl. Com base nos dados e nos conhecimentos sobre o tema, é correto a?rmar:

A
O paciente apresenta obesidade grau II e esteato-hepatite não alcoólica.
B
Levando em consideração o IMC, a circunferência abdominal e a glicemia, pode-se diagnosticar diabetes mellitus tipo 2.
C
A presença de intolerância à glicose sinaliza insuficiência pancreática endógena.
D
Trata-se de um paciente com aumento da insulino-resistência, porém sem déficit de secreção de insulina.
E
Levando em consideração o IMC, a circunferência abdominal e a glicemia, pode-se diagnosticar síndrome metabólica.
Paciente de 42 anos, sexo masculino, procedente da área rural de Niquelândia, há 30 dias apresentava, no tornozelo direito, uma lesão ulcerada, medindo 5 cm de diâmetro. A intradermorreação de Montenegro era negativa. Nesse caso:
Um paciente obeso, hipertenso controlado com vasodilatadores, alcoolista, não diabético, trabalha 16 horas por dia como vendedor em um bar da periferia. Refere ter no final do dia pernas que incham e pela manhã estão livres do edema. Há 4 dias, pela tarde, iniciou mal-estar geral caracterizado por dor no corpo, principalmente lombar, associando a dor na cabeça. Algumas horas depois apresentava febre alta e calafrios sendo necessário o agasalhamento. Esta situação se seguiu de dor em queimação intensa na perna esquerda, precedida de prurido, e o local se tornou avermelhado, em uma grande placa circinada que envolvia a região desde o pé até próximo do joelho. Houve aumento do volume da perna. Refere que surgiram adenopatias inguinais e se formaram bolhas, sem sangue, na região eritematosa. No caso clínico anterior, que fator pode ser considerado determinante para o aparecimento do quadro clínico febril?
Em qual grupo a prevalência de aneurisma da aorta abdominal é maior?
A avaliação inicial do politraumatizado protocolada determina o sucesso do atendimento do paciente gravemente acometido. Podemos afirmar que são causas com risco imediato de morte na avaliação das lesões torácicas:
Compartilhar