Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Cirurgia

Cirurgia Geral

Paciente feminina, 67 anos, vem ao pronto-socorro apresentando dor localizada em face interna da raiz da coxa direita, abaixo do ligamento inguinal, onde existe hiperemia intensa, calor local e tumoração dolorosa com ponto de flutuação. É submetida à drenagem cirúrgica da coleção, que dá vazão a secreção purulenta amarronada extremamente fétida (anaeróbios) entremeada por conteúdo entérico. Qual a hipótese diagnóstica mais provável?

A
Fasceíte necrotizante de assoalho pélvico.
B
Necrose séptica do acetábulo.
C
Hérnia de Littre.
D
Hérnia de Richter
E
Pseudoaneurisma infectado de artéria femoral.
Acerca do planejamento familiar e infertilidade conjugal, julgue o seguinte item: Infertilidade conjugal é a ausência de concepção após um ano de coitos regulares e desprotegidos, e denomina-se primária na ausência de gestação prévia e secundária quando há antecedentes de gestação, mesmo que esta não tenha evoluído até o termo.
Recém-nascido a termo, cuja a mãe apresentou descolamento prematuro de placenta, necessitou de ventilação com pressão positiva e massagem cardíaca na sala de parto. O peso estimado era de 3000g. Após 30 segundos de ventilação e massagem cardíaca, o neonato apresentava-se com freqüência cardíaca de 120 batimentos por minuto, ainda sem respiração espontânea, pálido e com pulsos finos. Qual a conduta mais adequada?
Você está na sala de parto diante de uma criança nascida a termo, de parto vaginal sem intercorrências. Após os procedimentos inicias de rotina, o boletim de Apgar no primeiro minuto de vida é de 9. Nesse momento, assinale a alternativa que melhor represente as condições cardiovasculares desse recém-nascido:
Em paciente com endocardite infecciosa, em qual situação indicamos tratamento cirúrgico?
Compartilhar