Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Pneumologia

Hematologia

Paciente feminina, 68 anos, admitida com DPOC descompensado por pneumonia. Entra na UTI em franca insuficiência respiratória e é entubada e colocada na ventilação mecânica. Iniciou tratamento com ceftriaxona e azitromicina, porém evoluiu com fibrilação atrial aguda. Foi feita a cardioversão elétrica, mantida com os antibióticos, amiodarona, heparina em dose profilática, ranitidina e metoclopramida. A paciente foi sedada com propofol e recebeu analgesia com fentanil. Do oitavo ao décimo segundo dia de internação, apresenta plaquetopenia, chegando a 75.000 plaquetas. Além da heparina, qual das drogas utilizadas pode ser a causa dessa plaquetopenia?

A
Ceftriaxona.
B
Metoclopramida.
C
Propofol
D
Ranitidina.
E
Fentanil.
Uma mulher jovem com história de asma relata sintomas quase diários, que ocorrem mais frequentemente à noite. Seu tratamento consiste em agonista beta-adrenérgico inalatório de curta duração, durante as crises. A paciente está tentando engravidar. Qual a melhor opção terapêutica a acrescentar para a paciente?
Paciente portador de diabete melito tipo 1, de 65Kg, aderente ao tratamento, em uso de insulina NPH (52u antes do café da manhã + 28u antes do almoço e 42u antes de deitar) associada a insulina regular (2u antes de café da manhã + 6u antes do almoço e 4u antes do jantar), vem apresentando hiperglicemias matinais. Um acompanhamento da glicemia capilar realizada às 3 horas da madrugada revelou valores habitualmente abaixo de 60mg/dl. A conduta para este caso será:
Um paciente de 25 anos de idade foi submetido à laparotomia mediana e está no primeiro dia pós-operatório. O paciente está hidratado, com boa diurese, mas continua em jejum. Considerando a situação hipotética apresentada acima, julgue o item a seguir. Caso a operação realizada nesse paciente tenha sido potencialmente contaminada, é recomendável que a antibioticoprofilaxia seja prolongada por mais 24 horas.
Analise a seguinte situação: Um paciente de 17 anos que apresenta sinais clínicos de infecção da ferida operatória para uma ressecção de cisto tireoglosso que transcorreu sem intercorrência. Como tratamento, realiza a limpeza da ferida, promove a drenagem com todos os cuidados de assepsia e envia o material para cultura e antibiograma. Prescreve um antibiótico terapêutico, supondo que o germe é aquele que estatisticamente predomina neste tipo de infecção. Você escolheu antibiótico para o tratamento de infecção por:
Compartilhar